CREMATÓRIO Jan 15, 2020 Crédito: Eduardo Wachholtz / RVA

Organização Kist aguarda melhoria na rede elétrica para inauguração do crematório humano e animal de Venâncio Aires

Conforme o proprietário do empreendimento, empresário José Luiz Kist, o objetivo é cremar de 50 a 200 pessoas por mês

- Foto: Geothec Consultoria Ambiental/Divulgação

A organização Kist aguarda melhorias na rede elétrica para inaugurar o crematório regional de Venâncio Aires. Com a estrutura física concluída há, pelo menos, quatro meses, o local, que vai atender os municípios dos Vale do Rio Pardo e Taquari e as regiões Centro-Serra e Central, aguarda a realização do serviço.

Em evento para marcar a assinatura do contrato de pavimentação do Corredor dos Gauer na última segunda-feira, 13, o prefeito Giovane Wickert explicou que o trabalho estava agendado para última semana, mas o tempo não colaborou para realização das melhorias. Portanto, o serviço foi reagendado e deve ocorrer nos próximos dias.

Conforme o proprietário do empreendimento, empresário José Luiz Kist, o objetivo é cremar de 50 a 200 pessoas por mês. Questionado sobre o número de animais atendidos, Kist explicou que será realizado levantamento para apurar a informação. Entretanto, tendo em vista a menor expectativa de vida, se espera que o número seja maior.

 

c