PARALISAÇÃO Nov 26, 2019 Crédito: Bruna Oliveira / Grupo RVA

Cerca de 110 professores e funcionários de Venâncio Aires participam de assembleia em Porto Alegre

Por conta do ato, alguns educandários estão com aulas suspensas nesta terça-feira

- Foto: CPERS / Divulgação

Uma nova assembleia geral com os educadores está marcada para a tarde desta terça-feira, 26, em frente ao Palácio Pirati, em Porto Alegre. Cerca de 110 professores e funcionários de Venâncio Aires vão participar da manifestação. Ainda, durante a tarde um segundo ato unificado, com funcionários públicos de todas as categorias, deve ocorrer às 16h no mesmo local. Eles protestam contra o pacote que modifica as carreiras, extingue benefícios e, em alguns casos, aumenta a contribuição previdenciária dos servidores.

Conforme a professora, Marione Drebel, a assembleia vai definir o rumo das mobilizações e a expectativa é de que a greve continue por tempo indeterminado. Segundo o último levamentamento do Cpers Sindicato, ao todo, são 768 escolas totalmente paralisadas e 746 afetadas por adesão parcial. Por conta da assembleia, alguns educandários de Venâncio Aires, estão com aulas suspensas nesta terça-feira.



c