EDUCAÇÃO Out 08, 2019 Crédito: Veridiana Röhsler / RVA

EJA diurno para menores de 18 anos terá aulas técnicas no IFSUL a partir do ano que vem

Ainda não está definida uma escola para atender a EJA durante o dia

- Foto: Eduardo Wachholtz / RVA

A partir de 2020, a Educação de Jovens e Adultos (EJA), não vai mais aceitar alunos menores de 18 anos durante a noite. Os municípios tiveram período para se adaptar e terão que ofertar aulas de EJA diurno no ano que vem. A modalidade também contará com uma parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-riograndense, buscando qualificação técnica dos alunos de Venâncio Aires.

A coordenadora da EJA na Capital do Chimarrão, Andreia Cassuli, ressalta que a Educação de Jovens e Adultos noturna segue sendo realizada. No entanto, para matrículas novas, somente maiores de 18 anos vão poder estudar à noite nesse sistema de ensino.

Ainda não está definida uma escola para atender a EJA durante o dia, porque é necessário realizar o levantamento da demanda. No entanto, já está confirmado que haverá uma parceria com o IFSUL, para qualificação técnica dos alunos.

A EJA é uma modalidade de ensino nas etapas fundamental e médio, que permite estudo aos jovens e adultos que não completaram a educação básica em idade apropriada. A partir do ano que vem, será oferecido esse ensino durante o dia e não será mais permitido o ingresso de menores de 18 anos à noite.

c