Saúde Set 26, 2019 Crédito: Adriene Antunes / Coordenadora de Comunicação e Marketing / Gestão 2017/2020 - Giovane Wickert

Prefeitura e HSSM instituem Comissão de Análise Econômica e Financeira na busca de soluções para Casa de Saúde

Na próxima segunda, 30, a comissão será instituída oficialmente em coletiva com a imprensa

- Foto: Adriene Antunes

As dificuldades financeiras do Hospital São Sebastião Mártir (HSSM) são conhecidas da comunidade. Dificuldades de fluxo de caixa e dividendos que chegam ao patamar de R$ 18milhões, preocupam as gestões da Casa de Saúde e da Prefeitura. Unidas, lideranças das duas instituições, definiram nesta manhã, 26, a criação de uma Comissão de Análise Econômica e Financeira (CAEF) para analisar e achar caminhos para reverter o cenário.

O encontro foi liderado pelo Prefeito Giovane Wickert que reuniu, no Gabinete, servidores da Prefeitura e do Hospital para debater a situação e desenhar um primeiro caminho para buscar as soluções. O Presidente do Hospital Luciano Spies, juntamente com os diretores, explanou sobre a situação financeira e elencou algumas medidas possíveis de serem adotadas.

O corpo técnico da Administração Municipal, formado por integrantes do Controle Interno e das Secretarias da Administração, Saúde e Fazenda também estudaram a situação financeira e pontuaram medidas possíveis para auxiliar na situação.  

De acordo com Wickert o momento é de agir a curto prazo com medidas que ajudem o Hospital a conseguir um melhor fluxo de caixa e garantir assim medidas, que a médio prazo, tenham resultados que consigam devolver a administrabilidade financeira do Hospital. “Enquanto Município nos colocamos à disposição da Gestão do HSSM para auxiliar, pensar medidas e buscar soluções para a situação que o Hospital enfrenta. A Casa de Saúde não é administrada pela Prefeitura, mas somos parceiros e os maiores interessados em manter o trabalho ofertando atendimento de qualidade a nossa comunidade, tanto de Venâncio quanto da microrregião atendida pelo HSSM”.

O Secretário de Saúde, Ramon Schwengber destacou a necessidade do trabalho manter a qualidade do trabalho aos pacientes e usuários do Hospital. “A situação financeira do hospital é difícil, provavelmente a comissão terá que adotar medidas ainda mais amargas. Porém, a qualidade do atendimento aos pacientes e especialmente os salários dos funcionários e prestadores de serviço são prioridade neste processo e vamos atuar fortemente para garantir isso”.

Na próxima segunda-feira, 30, a partir das 10h Wickert e Spies irão se reunir com lideranças como vereadores e a imprensa para instituir oficialmente a equipe da Comissão. Além disso, os Gestores querem apresentar os caminhos que irão ser tomados imediatamente para garantir a saúde financeira do Hospital São Sebastião Mártir. A reunião será na Sala de Reuniões do Gabinete do Prefeito.

c