HEPATITE Jul 22, 2019 Crédito: Bruna Oliveira / Grupo RVA

Município registra mais de 20 casos de hepatites virais neste ano

Julho amarelo alerta para conscientização sobre hepatites virais

- Foto: Agência Brasil

Mês de julho, marcado também como o mês amarelo, é o período de prevenção contra as hepatites virais. A doença é silenciosa e o vírus é classificado como A, B, C, D e E. Sendo, os mais frequentes de categoria A, transmitido de maneira fecal e oral, a B de forma sexual e sanguínea, e a C principalmente sanguínea, como por compartilhamento de seringas, agulhas, lâminas de barbear, alicates de unha e outros objetos que furam ou cortam.

De acordo com dados do Centro de atendimento a doenças Infectocontagiosas (Cadi), em 2017, 16 pessoas foram diagnosticadas com os vírus B e C em Venâncio Aires. No ano passado, o número subiu para 30. E em 2019, até agora, 21 pessoas já foram detectadas. Segundo a Coordenadora do Cadi, Solange Sehn, é de suma importância a realização de testes para prevenir a evolução do vírus. E por ser silenciosa, grande parte das pessoas não sabe que é portadora da doença.

Os testes rápidos estão disponíveis no Cadi, Caps Ad, Caps II, além de todas as unidades básicas de saúde, e no dia 31 deste mês, dentro da programação do julho Amarelo, o ônibus da Saúde vai estar em frente a igreja Matriz, realizando testes gratuitos de hepatites virais.



c