Venâncio Aires Mai 10, 2019 Crédito: Four Comunicação

Feira Comercial é espaço para bons negócios na 15ª Fenachim

Ao todo, 220 expositores da Indústria, Comércio, Serviços, Artesanato e Entidades apresentam suas novidades

- Foto: Divulgação

Até o dia 12 de maio, domingo, o Parque Municipal do Chimarrão, em Venâncio Aires, se transforma em uma vitrine de negócios. É a Feira Comercial que integra a 15ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim), evidenciando as potencialidades locais e regionais com a participação de cerca de 220 expositores da Indústria, Comércio, Serviços, Artesanato e Entidades. Distante 130 quilômetros de Porto Alegre, a Capital Nacional do Chimarrão é reconhecida pelo protagonismo econômico, sendo considerada o 2º maior polo metalmecânico do Rio Grande do Sul e o 2º maior produtor de tabaco do Brasil, além, é claro, da força da indústria ervateira. Todos esses potenciais ganham ainda mais visibilidade na Fenachim. 

Entre dos destaques da Feira Comercial está a empresa venâncio-airense Venax, que atua há 34 anos no mercado de eletrodomésticos e participou de todas as edições da Fenachim até hoje. Seus produtos, como fornos, fogões à lenha e industriais, cervejeiras, frigobares e adegas estão expostos à esquerda de quem entra no Parque. No Chimarródromo, a presença das ervateiras Elacy, Madrugada e Biomate chama atenção. O cultivo da erva-mate envolve 480 famílias no município, com uma produção que soma 3,5 mil toneladas por ano. No local, há distribuição gratuita de erva-mate e água quente. 

Mais do que conhecer o trabalho das empresas, o visitante pode usufruir de bons momentos e ainda sair da Festa com lembranças criativas. No estande da Alliance One, patrocinadora âncora do evento, há espaço para descanso, além da distribuição de mudas de chás e hortaliças. “A Feira Comercial é o espaço ideal para prospecção de negócios. Estamos muito felizes com a diversidade e a adesão dos expositores”, enfatiza a presidente da Associação Festa Nacional do Chimarrão (AFenachim), Luana Pereira. 

Ao todo, a Feira Comercial ocupa uma área de 4,8 mil metros quadrados do Parque, contemplando ginásio, lonões, pátio, além de duas praças de alimentação. Há ainda estruturas dentro da área do Chimarródromo, Praça de Alimentação e Food Park, bem como o Pavilhão com a Feira das Agroindústrias. Itens sustentáveis como lareiras ecológicas e sistemas de energia solar, artigos de decoração, vestuário, brinquedos e acessórios, entre outros atrativos, completam o espaço da Feira, que fica aberta todos os dias até as 22 horas. 

Artesanato – O público que visita a 15ª Fenachim também pode levar para casa lembranças personalizadas da Festa. Graças ao trabalho minucioso dos artesãos locais, peças como toalhas, panos de prato, acessórios para cuias, chaveiros, porta recados, entre outros artigos, ganham visibilidade. A partir da criatividade da artesã Michele Flores, até mesmo as soberanas da Festa, Rainha Lavínia Wachholz Naue e as princesas Thaíse Fagundes e Andressa Halmenschlager, viraram itens de decoração (fotos). As miniaturas foram feitas em ‘amigurumi’, uma técnica japonesa que cria pequenos bonecos de crochê ou tricô. Outra iniciativa local que é destaque na Feira é o Projeto Venâncio Feito à Mão. Coordenado pela gestora cultural Angélica Diefenthäler, a ação apresenta criações da designer de moda Luana Sehn, confeccionadas por artesãos do município. São roupas, acessórios e itens de decoração inspirados em riquezas culturais e naturais no município. O projeto conta com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Estado.

c