Venâncio Aires Dez 19, 2018 Crédito: Vanessa Behling/AI Câmara de Vereadores

Última sessão ordinária de 2018 é nesta quinta-feira

Além de eleição da mesa, mais de dez projetos estão na pauta de votações do dia

- Foto: Divulgação

A Câmara de Vereadores de Venâncio Aires realiza nesta quinta-feira, dia 20, a última sessão ordinária de 2018. A 45ª reunião está marcada para iniciar às 18h, no Plenário Vicente Schuck, na Câmara.

Mais de dez projetos estão na pauta de votações do dia. Entre eles, dois são de iniciativas de parlamentares. O vereador André Puthin (MDB) sugere que seja incluída na Lei Orgânica do Município a realização de referendos e plebiscitos, formas diretas de participação popular em matérias de acentuada relevância de natureza constitucional, legislativa ou administrativa.

Já o projeto proposto pela vereadora Izaura Bergmann Landim (MDB) prevê a proibição de inauguração de obras públicas inacabadas ou que ainda não possam ser usufruídas de imediato pela população.

Na noite, além de uma extensa pauta de votação, será feita a colocação da placa da presidente de 2018, Sandra Wagner, na galeria de ex-presidentes do Legislativo. A vereadora se despede do cargo, após realizar e cumprir inúmeras ações no Legislativo em 2018. Entre elas, o controle de gastos, que proporcionou uma economia de mais de R$ 1,4 milhão. Recurso que voltou aos cofres públicos e foi aplicado em diversas frentes, como para a conclusão da obra de asfaltamento de Centro Linha Brasil, contrapartidas para a construção de ginásio de Rincão de Souza, quadra esportiva da Vila Battisti e compra de ambulâncias, manutenção do parque de máquinas; incentivos agrícolas como o Condomínio Cosuel instalação da Languiru e acesso as propriedades rurais.

Além disso, deu sequência nas tratativas para a compra de um terreno anexo à Câmara, negociações iniciadas em 2013 e que deverão ser concluídas nos primeiros meses de 2019.

Outro importante passo dado, a partir da contenção de gastos, foi o início das obras de reformas estruturais do prédio da Câmara, que deverão ter sequência no próximo ano. Como presidente do Legislativo, Sandra, em duas oportunidades, também assumiu o cargo de prefeita em exercício.

Na última sessão deste ano, nesta quinta, ainda será feita a eleição da Mesa Diretiva de 2019. As chapas têm até meia hora antes do início da sessão para protocolarem seu interesse em concorrer a presidência da Casa. Até a tarde desta quarta-feira apenas uma chapa havia sido inscrita. Encabeçada por Eduardo Kappel (PP), tendo como o vice-presidente Adelanio Ruppenthal (PSB), a primeira secretária Helena da Rosa (MDB) e o segundo secretário José da Rosa (PSD). Em caso de apenas uma chapa ser inscrita e esta não alcançar a maioria dos votos, precisará ser convocada uma reunião extraordinária em janeiro para uma nova eleição.

Após a sessão desta quinta-feira, dia 20, os vereadores entram em recesso por 30 dias. A primeira sessão ordinária de 2019 será dia 4 de fevereiro. Para janeiro a Câmara de Vereadores instituiu Turno Único, desta forma, a Casa funcionará das 7h30min às 13h30min.

 

c