Trânsito Out 15, 2018 Crédito: Camila Sehn / RVA

Polícia aumenta fiscalização nas rodovias neste feriadão de Páscoa

A Polícia Rodoviária Federal realiza até domingo a Operação Viagem Segura do feriadão de Páscoa

- Foto: Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal realiza até domingo, dia 1º, a Operação Viagem Segura da Semana Santa. As ações da PRF, com reforço no policiamento, visam, além da diminuição dos acidentes, garantir a segurança dos motoristas. Outras ações realizadas são o combate à criminalidade e educação para o trânsito, mediante abordagens educativas. A BR-386, na região, deve ser a rodovia mais movimentada do estado, por ligar a região metropolitana ao centro e região noroeste do Rio Grande do Sul. Esse feriado é considerado o quarto feriado mais violento nas rodovias. A Páscoa tem média de mais de seis mortes por dia nas rodovias gaúchas.

Em entrevista à reportagem da Rádio Venâncio Aires, o chefe substituto da Polícia Rodoviária Federal de Lajeado, Paulo Rení, destacou ações para diminuir esses índices. Entre os cuidados básicos para a viajem está a revisão do veículo; bom descanso anterior do motorista; evitar ultrapassagem; evitar velocidade elevada; e citou o uso de bebê conforto, cadeirinha ou assento de elevação, conforme a idade da criança;

A revisão no veículo é de suma importância, verificando as condições dos pneus, já que o fato de trafegar com pneus em mau estado de conservação é responsável por grande parte dos acidentes, assim comoultrapassagens mal sucedidas corresponde a 40% desses acidentes.

A PRF alerta aos motoristas que pretendem viajar no feriadão, algumas restrições de tráfego, caminhões bitrens com dimensões excedentes, caminhões cegonhas e de transporte de veículos e cargas paletizadas devem obedecer as restrições para melhorar a segurança.

O propósito da Polícia Rodoviária Federal de Lajeado neste feriadão de Páscoa é reforçar a fiscalização nos trechos com maiores índices de acidentes. Na Operação Semana Santa de 2015 foram registradas três mortes, 2016 e 2017 nenhuma morte foi registrada nessa região de abrangência. A PRF orienta os motoristas a evitar utilizar a rodovia nos dias de maior fluxo, procurando antecipar ou adiar o momento de saída, permitindo uma viagem tranquila e segura.


c